Notícias Gerais

FALTA DE RESPEITO!

Unilarealmente, Cosern decide mudar plano odontológico e prejudica trabalhadores
A falta de respeito da Cosern com os trabalhadores parece não ter limites. De forma unilateral e em pleno processo negocial do Acordo Coletivo, a empresa trocou o plano odontológico e que resultou em ampliação dos valores e diminuição da qualidade dos serviços prestado, já que nova empresa possui rede credenciada bem inferior antiga contratada. Este item inclusive pertence a pauta de negociação e o sindicato, portanto, irá discuti-lo durante as negociações da campanha deste ano.
Atualmente os assistidos pagavam R$ 13,56 e com o novo plano vão pagar R$ 20,50. Já os empregados que possuem dependentes acima de 24 anos também vão pagar mais. R$ 14,92 contra 13,56 pagos anteriormente. Pra piorar, o trabalhador que deseja um plano melhor terá pagar R$ 22,00 por ele e por cada dependente, e se o dependente for maior de 24 anos pagará R$ 36,92.
A direção do Sintern repudiou a postura da empresa que não dialogou com os representantes dos trabalhadores para construir uma solução dialogada. “Não se trata apenas da ampliação dos valores. Trata-se de perda da qualidade nos serviços prestados e diminuição da rede credenciada. Muitos trabalhadores possuem tratamento em andamento com profissionais credenciados pelo antigo plano e uma mudança realizada dessa forma causa dificuldades para os usuários”, criticou Pedro Damásio, diretor do Sintern.
Esta não é a primeira vez que a Cosern toma decisões unilateralmente. Essa prática enfraquece a relação respeitosa que deve existir entre as partes. Lamentamos que atitudes assim sejam cada vez mais comuns e demonstre o desprezo da empresa com a representação dos trabalhadores.

5 Comentários

Deixe uma resposta