Maioria mantém confiança na manutenção do emprego, diz pesquisa
06 de julho de 2010 | Autor: Valor OnlineO Globo
Fonte: Valor OnlineO Globo

Os bons ventos da economia animam os brasileiros, não só em relação a novos empregos como também a confiarem na manutenção de vagas que ocupam. É o que aponta o Índice de Medo do Desemprego, indicador trimestral divulgado nesta segunda-feira pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), com base em perguntas desagregadas de outras pesquisas.

Segundo a entidade, no levantamento de junho, o medo de perder o emprego ficou em 82,3 pontos, um crescimento de 0,4% sobre a pesquisa anterior, de março deste ano, que ficou em 82,0 pontos, numa base de 100 pontos. Quanto menor a pontuação, maior é a confiança do trabalhador. O resultado de março foi o melhor já registrado desde o início da pesquisa, em 1996. A pior variação ocorreu em maio de 1999, quando atingiu 119 pontos.

"O índice em junho denota grande segurança no emprego, uma vez que manteve-se muito próximo do piso histórico, registrado em março", disse a entidade em comunicado.

A pesquisa, feita entre os dias 18 e 21 de junho pelo Ibope, ouviu 2002 pessoas entre os dias 18 e 21 de junho, sendo que 53% afirmaram não estar com medo do desemprego, mesmo percentual registrado em março. Entre os entrevistados, 30% disseram estar com pouco medo do desemprego no mês passado, contra os 32% registrados em março. Apenas 16% dos trabalhadores declararam estar com muito medo do desemprego, de acordo com o levantamento da CNI, praticamente a mesma porcentagem de março, quando atingiu 15% dos entrevistados.