Iberdrola ganha licitação para construir parques eólicos no Brasil
27 de agosto de 2010 | Autor: Terra
Fonte: Terra

O grupo energético espanhol Iberdrola anunciou nesta sexta-feira que ganhou uma licitação para construir nove parques eólicos no Brasil, como parte do consórcio que integra com a a brasileira Neoenergia.

Os parques eólicos terão uma potência acumulada de 258 megawatts e a Iberdrola se comprometeu a fornecer ao governo brasileiro a energia gerada nestas instalações por um período de 20 anos a partir de janeiro de 2013, informa um comunicado.

"O preço anual estimado do contrato é de por volta de 60 milhões de euros (76,2 milhões de dólares)", completa a Iberdrola.

A construção dos nove parques eólicos foi concedida a Iberdrola na segunda licitação para a promoção de energias renováveis no Brasil, organizada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

O consórcio entre Iberdrola e Neoenergia é o que mais megawatts conseguiu neste leilão, no qual foram atribuídos entre diversos operadores 50 parques eólicos (1.520 MW), cinco centrais hidrelétricas (101 MW) e uma usina de biomassa (64 MW), segundo a empresa espanhola.

A Iberdrola anunciou em 16 de agosto a assinatura de um acordo com a Neoenergia para construir parques eólicos no Brasil, que também prevê a constituição no futuro de uma empresa com 50% das ações para cada empresa.

A Iberdrola já tem um parque eólico no Brasil, em Rio do Fogo (Rio Grande do Norte), com uma potência de 49,3 MW.

A empresa espanhola considera o Brasil, onde se estabeleceu no fim dos anos 90, um dos países chave de sua expansão na América Latina.