Previ diz que Neoenergia não discutiu compra da Elektro
09 de fevereiro de 2011 | Autor: Redação Jornal da Energia
Fonte: Redação Jornal da Energia



A holding Neoenergia, que detém ativos em geração, transmissão e distribuição de energia, não está ligada à compra, pela espanhola Iberdrola, da Elektro. Embora a Iberdrola detenha 39% da holding, a Previ, acionista com 22,2%, afirma que a transação foi realizada em isolado pelos espanhóis e que uma possível compra da Elektro não foi discutida pelos acionistas da Neoenergia.

Em nota enviada à empresa, a Previ ainda afirmou que "a eventual oferta da Elektro para a Neoenergia não está em pauta". Ainda assim, o fundo destacou que está sempre atendo "aos movimentos de mercado, a fim de aproveitar oportunidades de investimento".

A Previ também afastou rumores de que sua participação na Neoenergia e na CPFL - duas empresas interessadas na aquisição da Elektro - tenha causado desconforto nos conselhos de administração das companhias. "A Previ não está em conflito e nunca deixou de ser representada por seus conselheiros nas reuniões de acionistas da Neoenergia", garantiu o fundo de pensão.

O negócio enter Iberdrola e o fundo AEI para a aquisição da Elektro foi fechado no dia 19 e envolveu US$2,4 bilhões. Os espanhóis afirmam que a transação vai render benefícios a seus acionistas desde o primeiro ano e que a operação "se encaixa à perfeição na atual estratégia da companhia, centrada na expansão internacional para os mercados que contam com maior potencial de crescimento", como Estados Unidos, Brasil, Reino Unido e México.