Médicos suspendem atendimento a clientes de planos de saúde
21 de setembro de 2011 | Autor: Agência Sindical
Fonte: Agência Sindical



Os médicos de 23 Estados e Distrito Federal protestam, nesta quarta-feira (21), contra a falta de reajustes nos honorários, a interferência na autonomia dos profissionais e a exploração dos usuários pelos planos de saúde. Eles vão interromper, por 24 horas, as consultas por convênios que não reajustaram os valores ou não negociaram com as entidades representativas da categoria.

O movimento quer chamar a atenção da sociedade para os excessos praticados pelas empresas, que penalizam profissionais e pacientes. Segundo os médicos, nos últimos anos, os planos de saúde foram reajustados em cerca de 150%, enquanto a remuneração médica não chegou a subir 50%.

“As operadoras interferem de maneira muito nociva na autonomia dos profissionais, impedindo, dificultando procedimentos, alterando outros, praticando preços exorbitantes de mensalidades e impondo sérias dificuldades no relacionamento com o trabalho médico”, diz o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Cid Carvalhaes.

Mais informações:
www.fenam.org.br