Comissão do Senado debate terceirização
05 de abril de 2012 | Autor: Agência Senado
Fonte: Agência Senado



A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado realizou, ontem (4), audiência pública para debater a crescente contratação de terceirizados no País.

Mortes - O presidente do colegiado, Paulo Paim (PT-RS), disse ser inacreditável que quatro, em cada cinco mortes por acidente de trabalho no Brasil, ocorram com empregados de empresas prestadoras de serviço. Outro problema foi apresentado por Miguel Pereira, representante da CUT. Ele afirmou que o terceirizado ganha, em média, 27% do que recebe o trabalhador contratado diretamente pela empresa. E mais: 50% do setor não contribuem para a Previdência.

Mais informações:
www.senado.gov.br