Governo reduz taxa de juros do financiamento de imóvel
09 de outubro de 2012 | Autor: MTE
Fonte: MTE

O Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) elevou de R$ 170 mil para R$ 190 mil o teto de financiamento de imóveis do Minha Casa, Minha Vida nas regiões metropolitanas de Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo. Nos municípios com mais de um milhão de habitantes e demais capitais, o valor máximo subiu de R$ 150 mil para R$ 170 mil.

Em reunião quinta (6), o conselho também reduziu em um ponto percentual os juros da faixa 3 de renda, que recebe entre R$ 3.275,00 e R$ 5 mil. Assim, a taxa de juros para este público caiu de 8,17% ao ano para 7,16% ao ano. A renda máxima dos beneficiários do programa foi fixada em R$ 5 mil mensais.

 

Baixa renda - O valor do subsídio para as famílias de baixa renda passou de R$ 3.100,00 para R$ 3.275,00.

 

Mais informações:

www.mte.gov.br