Dilma recebe CUT e reabre diálogo com o sindicalismo
06 de fevereiro de 2013 | Autor: CUT
Fonte: CUT

Delegação de dirigentes da Central Única dos Trabalhadores foi recebida ontem (5) pela presidente Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto. O pedido de reunião havia sido feito em agosto passado.

Com o gesto, a Presidente retoma o diálogo com o sindicalismo e abre possibilidade de se reunir com direções de outras Centrais. Outra possibilidade, conversada no encontro, é a de que Dilma receba uma comissão de sindicalistas após a 7ª Marcha a Brasília, marcada para 6 de março.

 

Saldo - Segundo o presidente da CUT, Vagner Freitas, no encontro – para apresentar formalmente a nova diretoria da Central – a presidente reconheceu que o governo deve dialogar com os movimentos sociais. O sindicalismo tem se queixado de que Dilma conversa pouco com os trabalhadores, deixando que demandas se acumulem.

 

Reivindicações - Os dirigentes cutistas reafirmaram a Dilma as reivindicações unitárias das Centrais, como jornada de 40 horas, fim do Fator Previdenciário e mais investimentos públicos, para se retomar o crescimento da economia.

 

Brizola - O Ministro do Trabalho e Emprego, Brizola Neto, participou do encontro. Dilma sinalizou que ele deve ser o interlocutor do governo com o sindicalismo. Com isso, a Pasta reocupa seu espaço político.

 

Mais informações:

www.cut.org.br