Sem avanços na negociação da pauta unificada
20 de novembro de 2013 | Autor: Direção do SINTERN
Fonte: Direção do SINTERN

Em reunião realizada no Rio de Janeiro, no dia 19/11/2013, entre a INTERSINDICAL (SINDURB/PE, SINTERN e SINERGIA/BA) e a direção de Gestão de Pessoas do Grupo Neoenergia (CELPE, COSERN e COELBA) onde a representação do Grupo Neoenergia, apresentou e discutiu a “CONTRA PROPOSTA” a Pauta de Negociação Unificada das três categorias Eletricitárias.

A contra proposta apresentada pela Neoenergia aos representantes dos trabalhadores, foi no entendimento dos mesmos improdutivas, e sem o alcance do que é almejado pelos trabalhadores.

As expectativas dos trabalhadores eram de que alcançasse desta feita um acordo coletivo, diferente de tudo que foi feito até o presente, após privatização. 

Estava difícil de entender o que se passava nas reuniões de negociação das “PAUTAS ESPECIFÍCAS”, nos três Estados onde não ocorria nenhum avanço significativo. As expectativas eram de que haveria surpresa na negociação da “PAUTA UNIFICADA”, com o Grupo Neoenergia encaminhando proposta que objetivasse ganhos salutares, que permitisse com novos processos de gestão de pessoas, corrigir tantas distorções salariais existentes nas três categorias profissionais.

Todos devem participar das Assembléias, em especial na do dia 25/11/2013, onde nossos representantes que estavam na reunião darão os devidos esclarecimentos sobre a contra proposta da empresa, bem como, partirão para aprovação das deliberações e encaminhamentos da luta para os dias que se seguem.

Defenda seus salários, seus benefícios, enfim seu emprego e sua remuneração, só conseguiremos fazer isto, “PARTICIPANDO”! VENHA!