Diretores do SINTERN em Curso sobre Organização e Representação Sindical de Base
22 de dezembro de 2017 | Autor: Direção do SINTERN
Fonte: Direção do SINTERN

A formação sindical é uma das prioridades de investimento do SINTERN. A qualificação é uma via pela qual a Entidade Sindical troca experiências e integra a luta da categoria.  Durante o ano, os dirigentes sindicais participam de encontros nacionais e cursos de formação. Como o Curso sobre Organização e Representação Sindical de Base – ORSB promovido pela CUT no qual os dirigentes Maria Angélica, Sidney Nascimento, Carine Correia e Eduardo Henrique estão participando em diferentes módulos. O Jornal A Luz entrevistou Sidney Nascimento que mostrou a contribuição do ORSB na formação sindical.

 

Jornal A Luz – Qual composição do Curso?

Sidney Nascimento - O curso é divido em três módulos de dois dias cada. Serão 48 horas no total, sendo 16 horas por módulo. O primeiro aborda o funcionamento e a história da sociedade. O segundo trata da história da CUT, sua concepção, princípios, estrutura e estratégia. Já o terceiro discorre sobre a representação sindical no local de trabalho.

 

Jornal A Luz – Qual a contribuição desta qualificação para luta dos trabalhadores?

Sidney Nascimento – Fornecer uma base teórica e conceitual que permita a necessária meditação entre os problemas estruturais da sociedade brasileira e os desafios do movimento sindical, ou seja, uma ferramenta a serviço da formação de dirigentes que contribua para o avanço das lutas dos trabalhadores.

 

Jornal A Luz – Qual a didática abordada?

Sidney Nascimento – Durante o Curso são realizados debates, dinâmicas de grupo, análise de conjuntura, apresentação de filmes e documentários, grupos de trabalho. Tudo para possibilitar o pensamento crítico e criativo como conceito base da estratégia de formação de dirigentes.