Vamos dar um basta no assédio moral na COSERN
03 de novembro de 2010 | Autor: Direção do SINTERN
Fonte: Direção do SINTERN

A prática de assédio moral na COSERN é contumaz, fato comprovado pela pesquisa realizada pelo SINTERN, quando 93% (noventa e três porcento) dos empregados da COSERN responderam que sabem o que é assédio moral, 77% afirmaram que já sofreram assédio moral na COSERN e 54% disseram que já souberam de casos de assédio moral na COSERN (a pesquisa encontra-se disponível no site www.sintern.com.br) .

    O resultado da pesquisa é de uma clareza solar e sedimenta a convicção de que significativa parcela dos gestores e gerentes está despreparada para lidar com pessoas e em particular com os empregados, seus subordinados. Os números revelados pela pesquisa demonstram inquestionavelmente a prática do ASSÉDIO MORAL na COSERN.

    Denúncia - Esta semana o SINTERN recebeu mais uma denúncia. E mais uma vez a prática de ASSÉDIO MORAL foi perpetrada pelo gerente do Departamento de Atendimento ao Consumidor – OAC, este Departamento é campeão de denúncias. Desta vez, o gerente convocou a  reunião com gestores e trabalhadores, e ao término falou para uma trabalhadora, que permanecesse na sua sala que precisava falar com ela em particular. Quando então passou a destratar a trabalhadora e ASSEDIÁ-LA MORALMENTE, utilizando expressões inoportunas, tais como: “Você é desagregadora...”, “O pessoal da sua sala vive lhe denunciando...”, “Você é cheia de problemas...”, “Você não tem nada que procurar o Sindicato...”, e outras expressões reprováveis.

    Do comportamento do mencionado GERENTE aflora sua incapacidade para tratar com os subordinados, mas resta provada a sua perspicácia na premeditação do ASSÉDIO MORAL quando solicita as demais pessoas para se ausentarem da sala. Esta conduta é reprovável e inadmissível, o SINTERN não vai mais admitir este tipo de comportamento no âmbito da COSERN e vai denunciar  na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego – SRTE e no Ministério Público do Trabalho da 21ª Região.

    Reincidente - O Gerente flagrado mais uma vez  na prática de ASSÉDIO MORAL é reincidente, pois já ocorreram outras denúncias ao Ministério Público do Trabalho. O curioso é que a diretora de Gestão de Pessoas do Grupo Neoenergia, em reunião com o SINTERN, tem afirmado que “os gerentes e gestores da COSERN têm que gostar de gente, têm que saber lidar com pessoas”.

    Nós acreditamos nas palavras da diretora, pois a pouco tempo, outros que não sabiam lidar com pessoas foram embora. A diretora precisa resolver definitivamente o caso do  GERENTE ASSEDIADOR e tomar  providências visando exterminar esta prática abominável. E pior ainda, se não bastasse, o GERENTE ASSEDIADOR ainda estabeleceu uma explícita prática anti-sindical quando afirmou: “Você não tem nada que procurar o Sindicato...”. Ora SR. GERENTE é preciso saber que a missão do SINTERN é defender os trabalhadores e as trabalhadoras das ações insidiosas praticadas pela COSERN e seus prepostos despreparados.

    O ASSÉDIO MORAL esfacela o trabalhador, diminuindo sua auto-estima e por vezes causando-lhe depressão, precisamos de uma ação urgente para que gestores e gerentes despreparados não continuem a importunarem os trabalhadores, e a nosso ver esta ação deve ser de iniciativa da COSERN e tem que contar com a colaboração dos trabalhadores, o SINTERN está à disposição para colaborar, com intuito maior de preservar a saúde psíquica e física dos Trabalhadores.

    Por fim, o SINTERN recomenda a todos os trabalhadores da COSERN e principalmente aqueles lotados no OAC, que quando convocados para tratar a sós com Gestores ou Gerentes vão com o celular no modo gravação ativado, e caso consumado o ASSÉDIO MORAL, comunique ao ASSEDIADOR que o “ASSÉDIO MORAL” está sendo gravado.

GERENTE DESPREPARADO NÃO É GERENTE, É CAPATAZ!

DAS DUAS UMA, OU A COSERN EXTERMINA O ASSÉDIO MORAL NO ÂMBITO LABORAL, OU O ASSÉDIO MORAL VAI ACABAR COM OS(AS) TRABALHADORES(AS)!

 

VEJA TAMBÉM:

O QUE É ASSÉDIO MORAL?