Trabalhadores aprovam proposta de distribuição da PLR 2010
09 de maio de 2011 | Autor: Direção do SINTERN
Fonte: Direção do SINTERN

No dia 15 de abril de 2011, os trabalhadores aprovaram, em assembléias realizadas em todo estado, a proposta negociada pelo SINTERN com a COSERN para a distribuição da PLR 2010. Este processo foi agilizado pelo fato da categoria ter aprovado nas assembléias de autorização a mesma forma de negociação da PLR 2009.


    O Sindicato lutou para melhorar os índices e valores para os trabalhadores. Contudo, o valor negociado é global com maneabilidade limitada apenas em reduzir uma parte para aumentar  a outra.


    A exemplo de 2009, a COSERN foi a mesa com índices de 25,41% para executivos e 74,59% para os demais trabalhadores. No decorrer da negociação, o SINTERN conseguiu reduzir o índice dos executivos para 20,72%. Com isso, o valor diferencial foi distribuído de forma inversamente proporcional para os  empregados.
    Nesta negociação, por mais que o Sindicato tentasse melhorar este índice tentando 19% para executivos e 81% para os demais trabalhadores. A COSERN se manteve irredutível com os respectivos 20,72% e 79,28%.


    O SINTERN ainda tentou impor a condição que se fossem mantidos esses índices não permitiria que fosse colocada a cláusula de verba variável dos executivos como PLR. Contudo, a COSERN acenou com a suspensão da negociação visto não concordar com essa posição do Sindicato. E empresa alegou que se pagasse sem colocar no ACT/PLR implicaria na geração de encargos sobre o valor da verba variável. Assim estas despesas teriam reflexo negativo na PLR 2011. Forçando o SINTERN a concordar em fechar a negociação da PLR 2010.