Notícias do Sindicato

TERROR ESPANHOL SE ESPALHA PELAS EMPRESAS DO GRUPO NEOENERGIA

Tal qual seus antepassados que colonizaram a maior parte das Américas, e que para governar promoveram um verdadeiro massacre as populações nativas, os controladores espanhóis do Grupo Neoenergia tem atuado dessa forma cruel junto aos trabalhadores da Holding. Pois, enquanto a Intersindical negociava os parâmetros da PLR 2018 para garantir uma parte do lucro no bolso dos trabalhadores, a empresa sem perdão demite em massa seus empregados e espalha o terror dentro das empresas, deixando aquela sensação que qualquer um poderá ser o próximo a ser demitido.

Para a Intersindical Neoenergia a conclusão é que estas demissões fazem parte de um processo de ajuste fiscal dentro da Holding, que visa reduzir os custos e aumentar os lucros a serem enviados para seus controladores no exterior. Essa ação tem deixado centenas de pais de família no desalento, muitos com anos de dedicação ao fortalecimento da empresa e não mereciam ser tratados de forma tão covarde.

A verdade é que os acionistas espanhóis se escondem em seus suntuosos gabinetes no Rio de Janeiro e em outras partes do mundo e determinam: “cumpra-se”, aos seus executivos. É a lógica perversa do capitalismo, lucro acima de tudo, especialmente no Brasil que passa por um duro processo de desnacionalização das suas empresas de energia elétrica.

Deixe uma resposta