Notícias do Sindicato

Pesquisa não corresponde ao clima organizacional da COSERN

Os trabalhadores não se sentem a vontade para responder de acordo com as suas convicções e sentimentos a pesquisa de clima organizacional da COSERN. Razões não faltam para isso.

Os trabalhadores não se sentem a vontade para responder de acordo com as suas convicções e sentimentos a pesquisa de clima organizacional da COSERN. Razões não faltam para isso.

Muitos receiam que as informações prestadas com veracidade se voltem contra os próprios trabalhadores. Por mais que a COSERN garanta sigilo e filtro nos dados ninguém se arrisca a dizer o que pensa da Empresa.

Qual seria a avaliação adequada para a COSERN quando se sabe que a Empresa não promove seus empregados, pratica assédio moral, não reconhece os direitos e não valoriza a dedicação diária dos trabalhadores ao apresentar uma proposta rebaixada e vergonhosa na mesa de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho? A AVALIAÇÃO COM CERTEZA É QUE SE TRATA DE UMA PÉSSIMA EMPRESA.

O resultado da pesquisa não passa de uma ilusão da COSERN ao ser sempre bem avaliada por seus empregados. Como diz a sabedoria popular: “a única certeza da ilusão é tempo perdido”. E tem mais! A COSERN obriga aos empregados que ela apelida de «focal» para a assediarem os trabalhadores a responderem a pesquisa e orienta para que os mesmos respondam que está «tudo ótimo», o que é no mínimo imoral!

O SINTERN desafia a COSERN a realizar  uma pesquisa de clima sem vícios, ou seja, sem assédio e que os formulários com as respostas sejam depositados numa urna. Topa o desafio COSERN? Saibam que a resposta será o silêncio sepulcral.

1 comentário

Deixe uma resposta